Biting everything that I meet

Segunda-feira, 23 de Fevereiro de 2009
PORTUGAL E ITÁLIA > COMBINAÇÃO PERFEITA

Muito bom ver produtos da União Europeia de diferentes países a serem promovidos em conjunto:
> Vinho do Porto > Portugal; 
> Presunto de Parma > Itália; 
 
Vejamos: 
"Vinho do Porto junta-se ao presunto de Parma

Aliança europeia combina vinho do Porto, presunto de Parma, queijo parmigiano-reggiano e vinhos da Borgonha para proteger designações comunitárias.

O Instituto dos Vinhos do Douro e Porto (IVDP) vai participar numa iniciativa comunitária para promover a "Excelência Europeia" através de produtos como os vinhos do Douro e Porto e da Borgonha, o presunto de Parma e o queijo parmigiano-regianno. "Discover the Origin" é o lema desta acção que convida os europeus a descobrirem as origens dos seus produtos e a valorizarem as designações comunitárias, combinando, num mesmo cabaz, diferentes produtos de países da UE, com características específicas associadas às suas origens geográficas e com uma herança cultural própria. A primeira iniciativa arranca esta semana, no Reino Unido, com apresentações das regiões e provas dos produtos. A acção tem três alvos definidos: consumidores com rendimentos elevados, residentes em áreas metropolitanas e "gourmets" entre os 30 e os 45 anos, distribuidores de comida e vinhos e líderes de opinião. Para a promoção deste cabaz de "Excelência Europeia" serão privilegiadas feiras de vinhos e gourmet, seminários em escolas, concursos, internet, visitas de jornalistas às regiões envolvidas no projecto, e publicações de livros e publi-reportagens. Para o IVDP, este projecto insere-se na estratégia desenvolvida nos últimos anos para defender as designações de origem Porto e Douro, como a participação no Center of Wine Origins, nos Estados Unidos, em parceria com as principais regiões vitivinícolas do mundo. Em 2008, a comercialização de vinho do Porto teve o seu pior ano da década, com as vendas a caírem 7%, para os 380 milhões de euros, as exportações em baixa e o preço médio por litro a descer dos 4,29 euros para os 4,26 euros.

 

 

Expresso | 16-01-2009"

 



publicado por osmeusolhares09 às 13:42
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 22 de Janeiro de 2009
BEIJÓS » E A HISTÓRIA DE PORTUGAL

Pedro Álvares Cabral
 
  •  Pedro Álvares Cabral é uma das figuras mais importantes da História de Portugal. Foi ele que, em 1500, descobriu o Brasil. Bem, os brasileiros dizem que "achou" o Brasil... leiam e verão porquê.
  • Este navegador português nasceu em 1467 no castelo de Belmonte. O seu pai era o fidalgo Fernão Cabral, alcaide-mor deste castelo, e a sua mãe era D. Isabel de Gouveia.
  • Como Pedro Álvares Cabral nasceu numa família da nobreza, com apenas 11 anos foi enviado para a corte de D. João II para aí receber uma educação adequada à classe social a que pertencia.
  •  Na corte, estudou Literatura, História e Ciências, Cosmografia, Marinharia e Artes Militares.
  • Ainda jovem, não se sabe bem com que idade, casou com D. Isabel de Castro, que era sobrinha de Afonso de Albuquerque (vice-rei da Índia) e neta dos reis D. Fernando de Portugal e D. Henrique de Castela.
  •  Como era um fidalgo muito importante, o rei tinha uma grande consideração por ele. Por isso, escolheu-o para ser o capitão-mor de uma armada (conjunto de navios) que iria partir para a Índia.
  • A primeira viagem marítima à Índia já tinha sido feita por Vasco da Gama, mas o rei queria que os portugueses lá voltassem para assegurar o seu domínio.
  • Assim, em 1500, Pedro Álvares Cabral partiu rumo à Índia com uma armada de 13 navios e 1500 homens.
  •  Não se sabe se foi por acaso ou se foi de propósito, mas os navios saíram da sua rota e desviaram-se para Ocidente.
  • Em vez de chegar à Índia, Pedro Álvares Cabral foi parar ao Brasil, a que chamou Terra de Vera Cruz.
  • No reino, todos ficaram muito satisfeitos com esta descoberta ("achamento", como dizem no Brasil) porque, assim, Portugal ficava com mais um território, para juntar aos muitos que já tinha.
  • Pedro Álvares Cabral regressou a Lisboa em 1501, mas resolveu retirar-se da vida do mar e ir viver para Santarém, onde morreu em 1520.
  • Este grande navegador português está sepultado numa capela da Igreja de Nossa Senhora da Graça, em Santarém.
  • »»»»»



publicado por osmeusolhares09 às 18:33
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Abril 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


posts recentes

PORTUGAL E ITÁLIA > COMB...

BEIJÓS » E A HISTÓRIA DE ...

arquivos

Abril 2011

Março 2011

Novembro 2010

Setembro 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

tags

todas as tags

favoritos

A LEI DA ROLHA E A VIRGE...

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds